Antes que termine o dia;

Tocar essas fotos faz-me querer-te por perto novamente – meus olhos marejam e minhas mãos trêmulas percorrem tua face suavemente como quem busca sentir a pele de um anjo, num encontro invisível em sonho. És assim para mim, anjo. Teus olhos acinzentados sorriem e tua gargalhada ainda soa dentro de mim. E com um triste riso de lábios eu divago sobre ti aninhado em meus braços; teu cheirinho de criança ainda paira sobre o ar e a perfumar tua manta.
Sinto-me pequena, não mais a tua heroína e guia – aquela que segurava em tuas mãos tão pequeninas e macias e levava-te a todos os cantos para o novo mundo descobrir; a que te abraçava com força quando caías, e beijava-te todo só para receber em troca o beijo mais doce e babado. E das primeiras palavras, tu me disseste mesmo sem saber o significado a expressão mais bonita de amor: “eu te amo” – pronunciavas todo embolado, porém a entendia tão bem. No coração mais puro só havia de ter isso mesmo, amor.
Antes que tomasses teu último suspiro, beijei-te quente a face e disse a ti, baixinho “eu te amo” e longo fora o olhar de ternura com o qual me olhaste; o olhar mais cúmplice e verdadeiro que fitei em minha vida. E angelical e lividamente fora tua feição na hora da partida.
O teu amor mostrou-me tudo, anjo!

P.S.: Eles também postam! Imagem de Vi.sualize.us.
Bem triste esse texto, porém há tantas formas de amor e dessa vez foi esse amor filial - maternal. Alguém aí já disse eu te amo pro pai ou pra mãe hoje? Está difícil né?! Vamos lá, meu povo, externem esse sentimento antes que termine o dia!
Beijo pra quem é de beijo!

10 comentários:

  1. Me deu um nó na garganta ao ler esse texto...
    Triste, mas profundo...
    Pai e mãe são únicos...
    Amei!!!

    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Lindo, realmente, como a Rebeca disse, triste e profundo!
    Amor de pai e mãe é algo sério e muito precioso! Lindo texto, beijos, Mel!

    ResponderExcluir
  3. Gostei do tenso, é intenso

    Abraço

    ResponderExcluir
  4. Babi, estou arrepiado por aqui.
    Que lindo, que profundo, que intenso e todos os demais elogios que possam ser ditos a esse texto teu.

    Realmente, vou ligar pra minha mãe agora e dizer 'te amo", e repetir quando eu chegar em casa.

    um beijoo

    ResponderExcluir
  5. Muito lindo o texto! *-*
    Eu diria não só pra minha mãe, mas pra quem quer que fosse se eu conseguisse. Às vezes é muito difícil dizer "eu te amo". :x

    Bjs.

    ResponderExcluir
  6. Realmente não existe amor maior e mais lindo na face da Terra do q o materno.A mãe é capaz de qq coisa no mundo pelo seu filho e isso fugirá de qq explicação científica,amei a forma como vc descreveu este tipo de amor,q é o mais intenso,tornando-se uma tarefa árdua explicá-lo,amei!!!

    E sobre a sandália,shhhh!!! =X,kkkkkkk³¹³¹
    =*

    ResponderExcluir
  7. escutar um 'eu te amo' deve ser perfeito, principalmente quando a gente sente que é de verdade!
    lindo o texto, doce e intenso.
    Adorei
    =*

    ResponderExcluir
  8. Eu não disse... Amor à vezes não se expressa só com palavras, não é? Ainda bem...

    Lindo, triste, doce, emocionante... Gostei muito do texto. Amor de mãe é o mais puro e essencial de que se tem notícia.

    ResponderExcluir
  9. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  10. Muito lindo o texto!
    Amor de pai e de mãe é muito mais forte do que qualquer outro :)
    bjos
    mah

    ResponderExcluir

✖ Não faça propaganda de seu blog;
✖ Se discordou de algo, não publique comentários anônimos;
✖ Não é avisando que (per)segue meu blog que será recíproca;
✔ Retribuirei qualquer comentário se possuir blog;
✔ Estou aberta a críticas construtivas e a novas amizades...
♥ Desde já, agredeço sua opinião!