O amor cega!

Foi difícil levantar-me naquela manhã... Os lençóis roçavam minha pele e o sol clareava o quarto e aquiescia-me. Prontamente coloquei-me de pé, porém minha visão estava turva, e como sempre fazia, calculadamente e repetidas vezes, dirigi-me para o banheiro. Uma sensação estranha rompante pairou sobre minha mente, que há muito tempo encontrava-se inebriada, e meus olhos pareceram límpidos, gotejando lágrimas de compaixão.

Extasiada busquei aquele rosto desconhecido refletido no espelho com as mãos e era, magicamente, meu.

Inexplicavelmente, a penumbra e a escuridão me deixaram. Recordo-me daquele par de olhos encarando-me para onde quer que eu fosse. E sempre solícitos para que eu nunca olhasse para o lado, nem adiante, somente para trás. Por tempo suficiente tornei-me refém. Não querendo mais ninguém a me enfeitiçar; até tentara, mas impossível.

Na noite anterior, havia declarado guerra àquele que me prendia e rezei, rezei como nunca: pedi intervenção Divina e que a mim fosse enviada a luz; que o amor permanecesse em mim, mas levasse para longe a outra parte que rendeu meu coração.

E assim, aconteceu. Naquela manhã, eu voltara a enxergar a luz e para longe, o dono daquele olhar agonizante desaparecera.
¹P.S.: Ah, finalmente, consegui postar. Que felicidade!
Esse texto já estava escrito há dias e foi escrito com a intenção de ser publicado aqui mesmo, mas antes sentido por mim. Depois de tropeços e sacolejos da vida, cheguei a conclusão que "o amor cega", não que ele seja cego, como dizem por aí. Mas aos poucos vendamos nossos olhos para não enxergar as verdades, verdadeiros reféns.
Creio que este será o último post do ano e dia 1° mensagenzinha! ;D
Beijo pra quem é de beijo!

11 comentários:

  1. Que texto lindo...
    Você já disse tudo...
    O amor nos cega...
    Mas um dia acordamos e vemos a realidade na nossa frete...
    Amei!!!

    Bjs

    ResponderExcluir
  2. O amor não cega, as pessoas que criam expectativas além dos limites humanos para si.

    ResponderExcluir
  3. Vai de pessoa pra pessoa, e realmente depende das expectativas, mas tem razão quando diz que o amor cega e não que seja cego.
    Adorei o texto!

    Beijos.

    ResponderExcluir
  4. O amor cega sim, mas é uma cegueira boa de mais enquanto estamos apaixonados.
    Feliz 2010. bjao

    ResponderExcluir
  5. Acho que a paixão e a loucura é que cega.
    O amor é inalcançável a nós, eu acho.
    Tudo é tão confuso. :S

    Último post do ano? Ai, que dor no coração!
    Mas foi muito bom te ler esse ano, viu? Te conhecer e poder me emocionar por aqui.
    Que o ano que tá chegando seja lindo pra mim e pra ti.

    Vem, 2010, e traga mais poesias.

    Beeeeijo, querida.
    Gosto muito de ti.

    ResponderExcluir
  6. Obrigada por ter estado conosco este ano.

    Temos um selinho prá você no nosso blog.

    Boas festas!

    ResponderExcluir
  7. Feliz 2010!
    um ano repleto de realizações!
    ;)

    beijo .

    ResponderExcluir
  8. "pedi intervenção Divina e que a mim fosse enviada a luz;"

    lembro da vez que fiz a mesma coisa, o desespero era tanto que achei que a única solução seria um milagre vindo dos céus! =/


    beijão

    ResponderExcluir
  9. Talvez não seja o amor que cega mas as expectativas e anseios que criamos em torno dele, espero não passar por momentos de angústia assim tão cedo. Feliz 2010.

    ResponderExcluir
  10. Ah! O doce gosto da liberdade *-*

    "aos poucos vendamos nossos olhos para não enxergar as verdades, verdadeiros reféns."

    Será que no final das contas somos todos culpados? Bem ou mal, permitimos que nossos olhos fossem vendados, não? Sob condição de ter alguém ao nosso lado.
    NÓS nos rendemos. Nós nos permitimos ser vendados.
    Talvez a culpa seja de cada um. Nossa própria, e do outro também, pois ele também se deixou vendar.

    Desculpe-me a melancolia x.x

    Feliz ano novo, Babi. Muitas palavras em 2010!
    Beijo, porque EU sou de beijo HAHAH

    ResponderExcluir
  11. O amor cega e o casamento devolve a visão kkk

    amei teu post
    e Feliz ano novoooo

    ResponderExcluir

✖ Não faça propaganda de seu blog;
✖ Se discordou de algo, não publique comentários anônimos;
✖ Não é avisando que (per)segue meu blog que será recíproca;
✔ Retribuirei qualquer comentário se possuir blog;
✔ Estou aberta a críticas construtivas e a novas amizades...
♥ Desde já, agredeço sua opinião!